O Piano e a MPB – Um Projeto com a nossa música.

No parque
No parque Vicentina Aranha.            Foto:  Mirian Lamy.

 

O PIANO E A MPB. (RELEASE E SINOPSE DO ESPETÁCULO).

 

 

 – “RELEASE”.

 

O Piano na MPB. Sendo tão rica e cheia de   Compositores e Intérpretes de talento, ao Piano,  como é a nossa Música Popular Brasileira, não é difícil encontrar-se uma infinidade de obras de rara beleza e emoção.  Existem inúmeras formas e possibilidades de se apresentar essas obras, com diversas formações musicais e instrumentos, os mais variados.

Decidi, como se diz popularmente, “… puxar a brasa para a minha sardinha…”! Em se tratando do meu instrumento de preferência e de trabalho, achei que seria bastante apropriado, ter este imenso acervo musical vertido, em arranjos, para Piano.

Após tomar esta decisão, vislumbrei mais um objetivo a ser alcançado que, me possibilitará levar, com este Projeto, às pessoas, de uma maneira direta, o já citado Repertório, tão rico e necessário, nos tempos atuais, em que observamos uma grande falta de referência, em se tratando da Cultura Popular Musical Brasileira, não concordam?

Sendo assim, para não me alongar demais, proponho o referido Projeto: “O Piano e a MPB”.

 

 – SINOPSE DO ESPETÁCULO.

 

A ideia inicial é apresentar ao público presente, um Repertório que contemple tanto as chamadas Obras já conhecidas pela maioria, como também aquelas não tão bem conhecidas, mas que se tornam necessárias e precisam ser mais popularizadas, mesmo aquelas que já são do conhecimento e admiração de uma determinada faixa etária de público, já se tornam desconhecidas de, por exemplo, uma faixa de público mais jovem.

Cito o caso da Música: “Carinhoso”, de Pixinguinha.  Consagradíssima.  No entanto, nem todos os jovens ou pré-adolescentes, têm conhecimento de sua existência.

No mesmo caso, estão os grandes Clássicos da Bossa-Nova.  Considero-os, também, importantes e necessários, ao Repertório do Espetáculo.

Outro gênero musical, também fundamental, que irá fazer parte: O Choro.  Não poderia faltar este delicioso estilo musical, tipicamente Brasileiro, que, em outras épocas, era por demais difundido e interpretado.  Hoje em dia, encontra-se destinado a uma minoria, que ainda luta por sua divulgação.

Logo em seguida, o nosso Samba não pode ser esquecido.   Também aqui, farei uma homenagem a um dos fundamentais gêneros da nossa Cultura Musical.

Se ainda me faltasse material, nesta altura, eu não poderia deixar de lançar mão de alguns de nossos maiores Compositores: Chico Buarque de Hollanda, Edu Lobo, Antonio Carlos Jobim, Caetano Veloso, etc.

Vídeos:  Pedro Júnior Tecladista.

As obras serão apresentadas e intercaladas por um breve esclarecimento e bate-papo informal com a audiência.  Para não cansar e, unicamente, com o intuito de evocar algum interesse e despertar a curiosidade para este ou aquele detalhe, em cada composição, resultando em uma breve e agradável viagem através de nossa Música Popular e seus Autores.  No máximo com 60 minutos de duração

Por se tratar de Música Instrumental, a classificação é LIVRE.

Finalizando, quero ressaltar que o fio condutor de todo o Espetáculo, será o enfoque, como diz o título, nas diversas obras da MPB e sua interpretação ao Piano, como Instrumento Solista. Uma abordagem instrumental de uma pequena, mas rica, parcela deste imenso Universo Musical que é a nossa Música Popular Brasileira.

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta